Buscar ...
central@centraldidatica.com.br
(11) 3744-4974 (11)3743-0090
Voltar a página principal
 
Voltar a página principal
  Empresa | Cadastro | Como comprar | Formas de pagamento e envio | Segurança | Fale conosco  
 

A psicopedagogia entre conhecimentos e saberes - fazer, pensar, escrever - Iara Caierão, Neusa Hickel e Gilca Kortmann

É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo. Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo. A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!
Produto indisponível. Avise-me quando chegar.
por R$68,00 em até 12x de R$6,83 com juros
    • visa
    • mastercard
    • amex
    • hipercard
    • diners
    • aura
    • elo
    em até 1x de R$68,00 sem juros
    • à vista R$68,00
    • 2x de R$35,53 com juros*
    • 3x de R$24,04 com juros*
    • 4x de R$18,29 com juros*
    • 5x de R$14,84 com juros*
    • 6x de R$12,55 com juros*
    • 7x de R$10,91 com juros*
    • 8x de R$9,68 com juros*
    • 9x de R$8,73 com juros*
    • 10x de R$7,97 com juros*
    • 11x de R$7,35 com juros*
    • 12x de R$6,83 com juros*
    • *2.99% a.m.
Não sei meu CEP

Descrição completa

É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começar pelo domínio de um conhecimento teórico amplo e eficaz, disponibilidade de energia, isenção de opinião, exercício de alteridade, capacidade de olhar e escutar o sujeito percebendo o não dito, as entrelinhas, que se quer dizer naquilo que não se diz, mas expressa em ações, às vezes contra si mesmo.

 

Em uma visão psicopedagógica enfocamos a aprendizagem do sujeito pensante articulando e mobilizando o desejar, o sonhar, o conhecer, o saber interagindo com o espaço onde habita, o apropriar-se e enfim, aprendendo.

A Psicopedagogia tem como pressuposto o trabalho a partir das inter-relações estabelecidas entre sujeito, família e escola, sendo estes os agentes diretos da aprendizagem. Tendo-se clareza que as causas dos problemas que comumente ocorrem podem ser tanto ambientais, desenvolvimentais ou estruturais, é preciso ter como princípio de atuação e confiança na ideia de que todos podem aprender. Podem aprender!É unanimidade que o trabalho psicopedagógico requer do profissional algumas habilidades e competências que precisam ser desenvolvidas a começ

Produtos similares

Avaliações dos clientes

por R$68,00 em até 12x de R$6,83 com juros
Adicionar ao carrinho fechar

Vitrine Lateral

Busca
Atendimento
Formas de pagamento
Certificados e segurança
Informações finais
Preços e condições de pagamento exclusivos para compras via internet e podem variar nas lojas físicas. Ofertas válidas até o término de nossos estoques para internet. Vendas sujeitas à análise e confirmação de dados. Em caso de divergência de valores no site, o valor válido é o do carrinho de compras. Todos os direitos reservados.
loja virtual profissional - plataforma sisecommerce